0 votos
20 visitas
em Doenças por

1 Resposta

+1 voto
por
Boa noite Fabiana,

Não sou da área de saúde, mas vou "opinar" pois trata-se de questão legislativa também. Se precisar fazer mais consultas a respeito, pesquise as formas de aposentadoria pelo INSS. Analisar a legislação talvez não seja tão fácil, mas ao realizar a pesquisa desta forma você terá chances de encontrar resultados melhor detalhados.

Acredito que a identificação do parasita em si não é requisito para a aposentadoria e dependerá de qual doença a pessoa esteja acometida e o tipo de atividade que ela exerce.  Se há problemas no coração e a pessoa realiza atividades estritamente físicas há um risco maior do comprometimento do coração e isso é sim levado em consideração na perícia. Porém, se os sintomas forem "tratáveis" ocorrerá um afastamento "auxílio doença" e depois retornará ao trabalho.

Não sou especialista no assunto, então não tenha essa minha "opinião" como uma verdade, busque mais informações a respeito. Só estou dando "pitaco" porque sei o quanto é difícil este tipo de informação, pois precisei há pouco tempo mas referente à outra doença, a enfisema.
Seja bem vindo a lookformedical.com, onde você pode fazer perguntas e receber respostas de outros membros da comunidade.

Categorias

11,9K perguntas

1,4K respostas

290 comentários

1,2K usuários

Limitação da responsabilidade: Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site.
...